fbpx

ATENÇÃO: Moradores da Rocinha fecham Lagoa-Barra

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Nesta segunda-feira, 6 de maio, moradores da Rocinha, Zona Sul do Rio, fechara a Autoestrada Lagoa-Barra em protesto contra a morte do mototaxista Joseleno Suares, de 27 anos. De acordo com a polícia, o rapaz foi morto durante troca de tiros em uma operação.

A interdição chegou a ocorrer nos dois sentidos, mas, por volta das 18h20, a pistava estava fechada apensas na direção São Conrado.

O Centro de Operações orienta que os motorista escolham o Alto da Boa Vista ou Estrada Grajaú-Jacarepaguá. A Av. Niemeyer foi aberta no sentido Leblon e opera nos dois sentidos.

Amigos do mototaxista, entretanto, disseram que não havia operação e no local do tiroteio só havia cápsulas das armas usadas pela polícia. Eles também disseram que documentos e celulares das vítimas – Joseleno e outras duas pessoas encontradas feridas no local – sumiram.

Veja mais

Criança é ferida em confronto na Zona Norte do Rio

PM dá sacode em três comunidades ao mesmo tempo

A PM informou que houve um confronto na comunidade na madrugada desta segunda-feira, e segundo testemunhas, Joseleno e outras duas pessoas foram baleadas às 2h.

Ainda segundo a PM, policiais militares da UPP Rocinha foram atingidos quando estavam em patrulhamento pela Estrada da Gávea, altura da Estrada da Cachopa. Os disparos foram feitos por um carro e um PM ficou ferido por estilhaços.

Na manhã desta segunda-feira, outro protesto em comoção a morte do mototaxista fechou um sentido da Lagoa-Barra. Colegas de Joselino ocuparam uma das pistas da via.

Comentários
Carregando...