fbpx

DESCUBRA SEU TIPO DE CABELO E TRATAMENTO IDEAL PARA ELE

Descubra seu tipo de cabelo e saiba qual o tratamento ideal para ele

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Você provavelmente já ouviu falar nos termos “normal”, “oleoso”, “misto” etc. quando se trata de tipos de cabelo, certo? Apesar de essas classificações serem frequentes em rótulos de shampoos, por exemplo, nem toda mulher sabe, realmente, qual é o seu tipo de fio e acaba tratando as madeixas de maneira equivocada.

Pensando nisso, o R7 conversou com Jotha Cunha, hairstylist do conceituado Salão 1838, localizado no Jardim América, em São Paulo, para descobrir as características das diferentes estruturas capilares e quais os tratamentos ideais para cada uma delas.

Confira a seguir:

Cabelos normais

Jotha Cunha (J.C.): cabelos normais possuem uma quantidade equilibrada de oleosidade, que permite a lubrificação natural dos cabelos da raiz às pontas. Apesar de serem mais macios e sedosos, é preciso investir em cosméticos certos para eles continuarem com aspecto saudável, sem pesar. Dê preferência aos produtos neutros e procure lavá-los em dias alternados –  e, claro, não abuse do secador ou da prancha. Reparadores de pontas também são aliados interessantes para esse tipo de fio. Quando investir em hidratações, faça em casa a cada 15 dias e, no salão, uma vez por mês.

Cabelos secos

J.C.: esses cabelos possuem bem mais volume e não apresentam muito movimento. Como têm pouca produção de gordura, eles têm pouco brilho e são mais quebradiços. Para o tratamento eficaz e prático, você pode, em casa, apostar em produtos que reúnem vários benefícios, mas tratamentos profissionais também são importantes. Por isso, coloque na sua rotina de beleza hidratações a cada 15 dias no salão com produtos ricos em silicones e ativos fortalecedores.

Cabelos oleosos

J.C.: Esse cabelo tem uma produção excessiva de gordura, apresenta um aspecto pesado, sujo e sem movimento. Isso significa que você precisa evitar banhos com água muito quente e produtos com alto teor de gordura, como manteiga de karité e argan. Na secagem, prefira usar o secador na temperatura média para não acentuar o problema. Use sempre produtos que agem diretamente na raiz para que toda extensão dos fios fique com aspecto limpo.

Cabelos mistos

J.C.:  Sem dúvidas, esse tipo de cabelo é o mais comum entre os brasileiros. É aquele fio oleoso na raiz e mais seco no comprimento e nas pontas. Um truque bem legal é aplicar shampoo para cabelos oleosos na raiz e máscaras nas extremidades do fio, sempre intercalando com condicionador duas vezes por semana.

Se você tingiu o cabelo…

J.C.: Cabelos coloridos tendem a desbotar com o passar do tempo. Então, isso significa que você precisa investir em produtos específicos para sua coloração. As loiras, por exemplo, podem usar matizadores para equilibrar e manter a coloração no fio. Quem é ruiva também não deve deixar de usar produtos para fios tingidos. Isso evita aquele famoso cabelo “água de salsicha”. Máscaras hidratantes ou ampolas são fundamentais para manter o fio forte e nutridos.

 

 

FONTE: R7

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.