Homem que morreu em acidente com jet ski na Barra cumpria pena por roubo

Acidente

Homem que morreu em acidente com jet ski na Barra cumpria pena por roubo

O homem, identificado como Douglas da Silva Lopes de Lima, 24 anos, que morreu na noite de domingo em um acidente entre uma lancha, de nome “Boa Pesca”, e um jet ski, intitulado “Mamuth”, no Canal de Marapendi, na Barra da Tijuca, cumpria pena por roubo. Segundo dados do Tribunal de Justiça, Douglas foi condenado a nove anos de prisão em dezembro de 2015. Ele estava a bordo da motoaquática, uma Yamaha branca, com documento vencido desde o dia 30 de setembro. De acordo com depoimentos colhidos de testemunhas pela Polícia Civil, era Lizandra Ribeiro Tavares que dirigia o veículo na hora da batida, e Douglas estaria na garupa. Ela é esposa de Douglas e apontada pela polícia por lesão corporal culposa e homicídio culposo — quando não há intenção de matar.

O caso está sendo investigado na 16ª Delegacia de Polícia (Barra) pela delegada Adriana Belém. Os agentes ouviram testemunhas que apontam Lizandra como a motorista do jet ski e solicitaram filmagens da área no entorno do acidente.

Comentários
Carregando...