Jovem de Campo Grande toma posse como novo secretário de Infraestrutura do estado do Rio

acg

Bruno Kazuhiro foi empossado como novo secretário de Estado de Infraestrutura e Obras do Rio de Janeiro (Seinfra), nesta segunda-feira, 11/11. Advogado e mestre em Ciência Política, Kazuhiro tem 31 anos e é pós-graduando em Gestão Pública pela Universidade Cândido Mendes.

 

 

 

Segundo o secretário, as prioridades de sua gestão à frente da pasta são a construção do presídio vertical, conjuntos habitacionais e o projeto comunidade cidade.

O secretário acrescentou que vai valorizar os quadros técnicos do estado.

“A EMOP (Empresa de Obras Públicas), tem engenheiros de alta qualidade. Não tenho dúvida de que ouvindo estes profissionais poderemos entender quais são os problemas que precisamos corrigir e, talvez, até desengavetar bons projetos”, ressaltou.

Participaram da posse o governador, Wilson Witzel, o vice-governador Cláudio Castro e os secretários da Casa Civil e Governança, André Moura, e de Governo e Relações Institucionais, Cleiton Rodrigues, além dos representantes das demais pastas.

“Fico muito feliz em ver esta juventude que o Bruno representa. Estamos passando a pasta estadual para alguém que tem a formação do gerenciamento da obra, de fazer acontecer. Vamos dar início este ano ao projeto Comunidade Cidade, que começará pela Rocinha. Há também o término de obras do Somando Forças, do Museu da Imagem e do Som (MIS) e a construção de presídios por conta do déficit de vagas no sistema penitenciário. São muitos os desafios que se apresentam. Tenho certeza que Bruno está apto a desenvolver estes trabalhos”, afirmou o governador.

Carioca de Campo Grande, Bruno Kazuhiro é formado em Direito pela Faculdade Nacional de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e Mestre em Ciência Política pelo Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP/UERJ), além de pós-graduando em Gestão Pública pela Universidade Cândido Mendes. O secretário realizou diversos cursos livres sobre Ciência Política, Comunicação Política e Política Internacional realizados pelo Centre for European Studies (Bélgica); pela Fundación para el Análisis y los Estudios Sociales (Espanha) e pela Konrad Adenauer Stiftung (Alemanha).

Comentários
Carregando...