Nós cristãos estaremos em perigo’, diz Feliciano sobre criminalização da LGBTfobia

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

‘Nós cristãos estaremos em perigo’, diz Feliciano sobre criminalização da LGBTfobia

Deputado federal repudiou decisão nas redes sociais

POR MEIA HORA

Pastor da Igreja Assembleia de Deus Catedral do Avivamento tem elogiado Daniele Cunha aos eleitores do RioArquivo Pessoal
Rio – Em vídeo divulgado na sexta-feira, no Instagram, o pastor e deputado federal Marco Feliciano criticou a decisão do Supremo Tribunal Federal, que criminalizou a LGBTfobia. Afirmou que houve uma quebra de acordo por parte dos ministros do Supremo. Segundo ele, estava acordado que o legislativo criaria uma lei que fosse favorável a todos. Ao seu ver, era dever do STF optar pela prudência e esperar legislação pertinente sobre o caso.

“Por anos nós lutamos no Congresso Nacional, nós debatemos o assunto, fizemos audiências públicas, e agora que estávamos criando uma lei que pudesse amparar a todos os interessados o STF quebra um acordo feito conosco (com a Bancada Evangélica), pois eles prometeram”.

O parlamentar ainda ressalta que poderá haver interpretações errôneas em relação ao texto da lei. “Esse tal discurso de ódio é tão vago que nós cristãos estaremos em constante perigo…as disparidades de interpretação atingirão de morte os nossos púlpitos”.

 

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Comentários
Carregando...