RODRIGO HILBERT SAI EM DEFESA DE FERNANDA LIMA APÓS AMEAÇA DE EDUARDO COSTA À MULHER

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Na última terça-feira, 6, durante o “Amor & sexo”, Fernanda Lima fez um discurso em que muitas mulheres se viram representadas. A fala da apresentadora, no entanto, deixou alguns telespectadores descontentes. Entre eles, Eduardo Costa, cabo eleitoral de Jair Bolsonaro, presidente eleito no último dia 28.

O sertanejo decidiu atacar Fernanda Lima nas redes sociais. “A mamata vai acabar, a corda sempre arrebenta pro lado mais fraco e o lado mais fraco hoje é o que ela está. Será que essa senhora só faz programa pra maconheiro, pra bandido, pra esquerdista derrotado, e pra esses projetos de artista assim como ela?”.

Fernanda Lima ganhou apoiuo do marido Rodrigo Hilbert
Fernanda Lima ganhou apoiuo do marido Rodrigo Hilbert Foto: reprodução/instagram

Depois disso, Fernanda trancou os comentários de seu perfil no Instagram, ganhou o apoio de muitas famosas, e de ninguém menos que do marido, Rodrigo Hilbert. “O amor que tenho por você é maior do que todo o ódio do mundo”.

O que provocou a ira do sertanejo?

Fernanda Lima foi ameaçada por Eduardo Costa após discurso feminista
Fernanda Lima foi ameaçada por Eduardo Costa após discurso feminista Foto: reprodução/instagram

No texto que leu no ar, Fernanda exalta o empoderamento feminino. Chamam de louca a mulher. A mulher que desafia as regras e não se conforma. Chamam de louca a mulher cheia de erotismo, de vida e de tesão. Chamam de louca a mulher que resiste e não desiste. Chamam de louca a mulher que diz sim e que diz não. Não importa o que façamos, nos chamam de louca”, disse: “Se levarmos a fama, vamos, sim, deitar na cama. Vamos sabotar as engrenagens desse sistema de opressão. Vamos sabotar as engrenagens desse sistema homofóbico, racista, patriarcal, machista e misógino. Vamos jogar na fogueira as camisas de força da submissão, da tirania e da repressão. Vamos libertar todas nós e todos vocês. Nossa luta só está começando. Preparem-se, porque essa revolução não tem volta. Bora sabotar tudo isso?”, finalizou a loira.

Em nenhum momento a apresentadora citou algum partido ou político durante o programa. Mesmo assim, Eduardo Costa achou que era uma indireta. “Bolsonaro não está sozinho, o povo está com ele, e a senhora pode ter certeza, o Brasil vai sabotar é a senhora se Deus quiser. Sérgio Moro vai começar a ajudar a sabotar, pode esperar. E tenho dito”, finalizou.

Eduardo Costa: cabo eleitoral de Jair Bolsonaro
Eduardo Costa: cabo eleitoral de Jair Bolsonaro Foto: reprodução/instagram

Sertanejo fala de “mudar postura”

Após detonar Fernanda Lima, o sertanejo Eduardo Costa voltou ás redes para avisar que está gravando um CD gospel. Ele aproveitou toda a polêmica para fazer sua propaganda. “Esse CD que to gravando e pra tocar vidas atreves da música e do dom que DEUS me deu, e pode ter certeza DEUS vai te tocar através dessa canção que gravei em nome de JESUS. Se eu já pensei em parar com tudo e cantar somente pra DEUS?? Já, pensei e penso, preciso mudar radicalmente minha postura”, justificou ele.

Eduardo Costa ameaçou Fernanda Lima
Eduardo Costa ameaçou Fernanda Lima Foto: reprodução/instagram

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.