fbpx

Uma bela dívida: Belo deve R$ 50 mil a advogados

O pagodeiro foi condenado em 2002

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Condenado em 2002 por tráfico de drogas, o pagodeiro Belo se vê mais uma vez envolvido em um episódio relacionado à Justiça. Dessa vez foram os próprios advogados do cantor que estão pleiteando o pagamento de uma dívida de R$ 50 mil, relacionada a honorários.

Segundo informações o escritório em questão é o Peralta e Campos Associados, que tenta receber a quantia há cerca de dois anos, quando entraram com um processo na 7ª Vara Cível, em Niterói, com o intuito de tentar receber a quantia.

O montante refere-se aos honorários cobrados pelo escritório Peralta e Campos Associados. Normalmente, os advogados cobravam 10% das causas que defenderam para o cantor.

Veja mais

Empregos: Feirão oferece mais de 400 vagas

Belo vai precisar acertas as contas com seus defensores, pois uma sentença – publicada no último dia 25 de março – ordenou que o cantor efetuasse o pagamento, caso o fizesse em três dias, o valor cairia pela metade, mas ele não pagou.

“Nós temos esperança na Justiça. Chegamos a conversar com ele, tentar um acordo, ele diz que vai pagar, mas até hoje não recebemos”, conta um dos sócios do escritório, Ivo Peralta Junior.

Comentários
Carregando...