Web se revolta com fala sobre racismo em novela infantil do SBT

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Na quarta-feira (8/8), o SBT exibiu a novela infantil As Aventuras de Poliana, mas uma cena da trama deixou os internautas revoltados. Após ser acusada de vandalizar uma estátua, Kessya, interpretada por Duda Pimenta, correu o risco de perder sua bolsa de estudos na escola e ainda ouviu algo um tanto controverso.

A diretora Ruth (Myrian Rios) acabou por se desculpar com a garota após o amigo dela, Luigi (Enzo Krieger), mostrar um vídeo no qual os verdadeiros autores da destruição aparecem. Portanto, Ruth suspendeu os valentões, mas deixou Kessya infeliz.

A garota correu para os braços da coordenadora, Helô (Elina de Souza), e disse: “Porque eu sou negra todo mundo já fica desconfiado. Tipo: ‘Só pode ter sido a Kessya mesmo!”. Helô não gostou da posição da garota, rebatendo: “Kessya, sabe qual é um dos maiores culpados pelo preconceito?”.

“Os racistas”, disse a estudante, mas a coordenadora surpreendeu ao negar. “Não, a nossa cabeça. E para que os outros parem de ver a nós, negros, como diferentes, nós precisamos parar de nos ver como diferentes, como piores ou melhores do que determinada raça!”, disse ela, gerando uma grande discussão na internet.

Como apontado pelo UOL, Íris Abravanel, autora da trama, foi questionada sobre a representatividade negra nas novelas em maio e deu uma resposta semelhante à da personagem. “Acho que a comunidade afro precisa superar algumas coisas e ir para frente, porque quando nós procuramos atores, não é fácil encontrar ator afro”, disse.

“Eu fico tão feliz quando eu vejo alguém [negro] que consegue ser um advogado, um médico, um ator. Às vezes quando pedimos, não tem muitos, não. Então aquilo que nós conseguimos, nós aproveitamos”, justificou a esposa de Silvio Santos.

A assessoria do SBT esclareceu a polêmica, que rendeu má repercussão no Twitter. “A novela tem o papel de debater questões sociais como o enfrentamento ao racismo, citando vários exemplos. Prova disso, no capítulo 60, no ar na terça-feira [7], houve a cena em que o texto exalta que racismo é coisa de gente ignorante. E no capítulo 61 [com a cena em questão], a coordenadora do colégio quis convencer a menina que aquele esteriótipo de que negro é sempre culpado à primeira vista não pode prevalecer, mostrando-a uma nova perspectiva”, diz a nota.

Alexandre@Iexandre

O ano é 2018, a novela INFANTIL do sbt ensinando que o racismo está na nossa cabeça e só existe por culpa dos negros

 

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com