Apresentador da Globo morre e Jornal Nacional emociona com bela homenagem

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A morte é sempre algo difícil de superar. Nessa quarta-feira, 19 de junho, uma morte acabou mexendo com o noticiário brasileiro. Um grande apresentador, que fez parte da história da Globo, faleceu aos 74 anos de idade. A importância dele foi tão grande que até mesmo o Jornal Nacional, principal telejornal da emissora, mostrou os momentos marcantes da carreira dessa personalidade.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Morreu  o crítico de cinema e apresentador Rubens Ewald Filho. Ele estava internado em um hospital da cidade de São Paulo desde maio.
A informação pegou muita gente de surpresa. Rubens Ewald Filho deu entrada no Hospital Samaritano, em Higienópolis, zona central da capital paulista, depois de passar mal em um shopping. Na ocasião, a informação havia repercutido bastante. Ele desmaiou no local e caiu na escada rolante.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Veja abaixo um dos trechos de Rubens apresentando um quadro de cinema no Jornal da Globo:

Os detalhes sobre a morte e a carreira do artista foram dados no telejornal. O Jornal Nacional disse que  Rubens Ewald Filho era um dos maiores especialistas de cinema no Brasil e mostrou os quadros e programas especiais que ele ajudou a comandar na Rede Globo de Televisão.

A atração também deu espaço para o grande conhecimento do falecido em filmes. Rubens, segundo o Jornal Nacional, teria assistido mais de 60 mil filmes na vida. Ele também foi autor da novela Gina, exibida pelo canal na década de 1960.

Amigos contam que antes do sucesso na televisão, ele sempre reunia pessoas em sua casa para acompanhar a cerimônia do Oscar. Ele até realizaria bolão para tentar vencer dos colegas, demonstrando conhecer muito da área.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Comentários
Carregando...