Delegada Tanos prende Homem-Aranha, Batman e Lanterna Verde do ‘trenzinho da alegria’

Os três trabalhavam fantasiados como animadores no litoral de Fortaleza; após denúncia, policiais militares encontraram armas, coletes e materiais ilícitos enterrados no quintal de 'Aranha'; comparsas foram presos por atirarem pedras nas viaturas

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A Polícia Militar do Ceará prendeu na manhã desta segunda-feira três homens que trabalhavam fantasiados de super-heróis no Trem da Alegria, no litoral de Fortaleza.
A delegada Malake Waked Tanos informou por meio de uma rede social que eles se fantasiavam de Homem-Aranha, Batman e Lanterna Verde, para fazer a animação.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Na casa de Nailson de Sousa Gomes (27), conhecido como “Aranha”, no bairro Vicente Pinzón, foram encontradas uma arma de fogo, coletes balísticos e outros materiais ilícitos. Os militares fizeram buscas pela casa e também no quintal, onde encontraram enterrados um revólver calibre 38, com três munições intactas, um carregador para pistola .40; três coletes balísticos; e uma bala clava rial.
Um revólver calibre 38, com três munições intactas; um carregador para pistola .40; três coletes balísticos; e uma bala clava foram encontrados enterrados no quintal de 'Aranha' - Divulgação/ Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social
Um revólver calibre 38, com três munições intactas; um carregador para pistola .40; três coletes balísticos; e uma bala clava foram encontrados enterrados no quintal de ‘Aranha’ – Divulgação/ Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social
No momento da apreensão, os policiais perceberam uma movimentação na parte externa da casa. Ao saírem, perceberam dois indivíduos atirando pedras contra a viatura. Eram os irmãos  Almeida Balbino de Souza (19) e Almino Silva Souza (24), que trabalhavam com o Aranha como animadores do Trem da Alegria. Os dois receberam ordem para cessar o ato e foram abordados. Apesar da resistência, os irmãos foram contidos pelos agentes de segurança.
O trio foi encaminhado para o 9º Distrito Policial (DP), unidade da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) responsável pela região.
A ação aconteceu depois que denunciaram que um indivíduo conhecido como “Aranha” comercializava drogas em casa. A partir do que lhes foi informado, os policiais seguiram até a referida casa e ao se aproximarem perceberam uma movimentação estranha. Um dos agentes notou que um homem tentava escapar pelos fundos do terreno. Nailson de Sousa passou por revista pessoal, mas nada de ilícito foi encontrado com ele.
Nailson de Sousa, o Aranha, foi autuado em flagrante por posse ilegal de arma de fogo e também por receptação. Já os irmãos Almeida e Almino de Souza foram autuados por dano ao patrimônio público, desobediência e resistência à prisão. A Polícia Civil mantém as investigações e também diligências na região, agora com o objetivo de capturar outros partícipes da ação criminosa.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Send this to a friend