LINDA HISTÓRIA DE SUPERAÇÃO DO GOLEIRO DO VASCO

Acg

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

#SUPERAÇÃO

Fernando Miguel se emociona e relembra conselho de esposa após desilusão no futebol. Em 2011, quando estava no Lajeadense-RS, ele pensou em desistir da carreira e procurou emprego em um hotel, para ser recepcionista.

– “Fui fazer uma entrevista. Ficamos batendo um papo, falei que não tinha currículo, era um atleta que jogava até pouco tempo, aí conversamos, ele me olhou e falou: “tu tem um perfil para trabalhar com a gente, mas não vou te contratar, tu nasceu para jogar futebol”. Esse foi um momento muito marcante. Eu mesmo estava desacreditado. Minha energia parece que foi retomada e a partir dali minha carreira começou a dar uma alavancada legal”.

Veja Também

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“No meu apartamento tinha um quartinho com troféu, medalha, quadro. Numa tarde de desespero entrei e quebrei tudo que tinha lá dentro. Minha esposa pegou, me acalmou. Quando voltei, ela estava recolhendo tudo quebrado, fotos rasgadas e colocando numa caixa”.

Ela disse: “se tu não consegue mais sonhar, eu sonho”. E até hoje isso está lá guardado – completou Fernando Miguel.

De tanto sonhar, o goleiro chegou ao Vasco. Agora, tem a missão, com os companheiros, de ajudar o Cruz-Maltino a se reerguer dentro de campo. E acredita que vai conseguir.

– “O Vasco tem uma história riquíssima, que valoriza seu feito, seus avanços e suas marcas. Precisamos superar isso. Unir todos dentro do clube, todas as correntes, para que o Vasco consiga andar num sentido único. É um momento difícil, sim, um momento complicado, mas me sinto orgulhoso e espero que meu esforço e de todos aqueles que estão aqui conosco rendam bons frutos e que sejamos lembrados”.

 

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Send this to a friend