Mãe de pastor ataca Flordelis e faz revelação bombástica: ‘assassinos estavam dentro da casa dele’

Acg

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

.Neste final de semana, a família do pastor Anderson do Carmo, assassinado há cerca de um mês, fez um ato para lembrar o crime e pedir que o caso não caia na impunidade. Anderson chegava em casa ao lado da esposa, a deputada federal Flordelis, no Rio de Janeiro. Nesse momento, ele teria sido alvejado por pelo menos 15 tiros e não resistiu.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A polícia ainda investiga o caso e não descarta nenhum suspeito. A deputada, cantora e pastora nega a situação, mas vê até membros da própria família se virarem contra ela. Alguns filhos de Flordelis, que tem 55 herdeiros, abandonaram publicamente a deputada, deixando até a igreja que faziam parte.

Veja Também

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Neste final de semana, a mãe do pastor assassinado, Maria Edna Virgínio, acabou dando declarações em que ataca a nora. Ela acredita que os assassinos de seu filho moravam com ele. Maria ainda critica Flordelis e diz achar estranho o fato dela, nesse tempo todo, não ter feito sequer uma ligação.

Segundo Maria, ela não entende porque, segundo ela, pessoas da própria família teriam matado Anderson. Na sequência, ela critica diretamente a deputada Flordelis,  dizendo que ajudou muito ela no passado.

Estou magoada e muito chateada. Ajudei demais essa mulher (Flordelis) quando ainda vivíamos no Jacarezinho. Agora, ela não me ofereceu ajuda nenhuma. Não se preocupou comigo. Acabaram com a minha vida, tiraram meu filho de mim. Foi um baque muito forte. Meu coração está partido. Quero Justiça”, disse a mãe do pastor assassinado.

 

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Send this to a friend