Morre o ator João Carlos Barroso, aos 69 anos

Acg

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Morreu no dia 12 de agosto o ator João Carlos Barroso, aos 69 anos de idade.
João Carlos de Albuquerque Melo Barros nasceu em 28 de fevereiro de 1950, na cidade do Rio de Janeiro. Destacou-se na televisão como o Tavico de Estúpido Cupido (1976) e o Toninho Jiló de Roque Santeiro (1985).

 

Djenane Machado e João Carlos Barroso, em Estúpido Cupido

 

Barroso começou a atuar ainda criança, mas ganhou fama a partir de seus trabalhos na televisão.

Sua estréia como ator foi no filme Pedro e Paulo (1961), uma co-produção argentina-brasileira, estrelada por Jardel Filho, Francisco Cuoco e Jece Valadão. Na época, ele tinha 10 anos de idade, e havia sido descoberto pelos produtores quando jogava bola na rua, com amigos.

 

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Com Jardel Filho em Pedro e Paulo (1962)
Em 1962 ele ingressou no teatro, mesmo ano que estreou na TV, fazendo o teleteatro Os Inocentes, na TV Tupi.  Ainda ator mirim, fez inúmeros teleteatros na Tupi e TV Rio, e estrelou a novela David Copperfield (1964), também na Tupi.

Fernanda Montenegro e João Carlos Barroso em O Grande Teatro Tupi

 

Ele estreou na TV Globo na série Rua da Matriz (1965). Na emissora, atuou em diversas novelas, como O Bem Amado (1973), Os Ossos do Barão (1973), Pecado Capital (1975), Locomotivas (1977), O Salvador da Pátria (1989) e muitas outras. Também fez programas humorísticos na Globo.

 

João Carlos Barroso e Arnaud Rodrigues em Roque Santeiro

Seu último trabalho na televisão foi como o Delegado Mesquita em Sol Nascente (2016).

João Carlos Barroso em Sol Nascente
No cinema ainda atuou nos filmes O Homem e Sua Jaula (1969), O Pistoleiro (1976), Nos Tempos da Vaselina (1979) e Dona Eulália (2004). Também dublador, emprestou sua voz para o jovem Rei Arthur de A Espada Era a Lei (The Sword in the Stone, 1963), da Disney (na versão brasileira)

 

João Carlos Barroso com Aldine Muller, em Nos Tempos da Vaselina

 

A morte do ator foi divulgada nas redes sociais pelo ator Mário Cardoso, que informou que o artista sofria de câncer há algum tempo. João Carlos Barroso faleceu em 12 de agosto de 2019, aos 69 anos de idade.

 

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Send this to a friend