The news is by your side.

CHEFE DA MILICIA É MORTO NA ZONA OESTE!!

8.886

Marcelo Negão, apontado como chefe da comunidade Reta da Base, em Santa Cruz, Zona Oeste do Rio de Janeiro e seu segurança, conhecido como Vitão, foram mortos a tiros dentro de um carro, na Rua do Império, na mesma região, por volta das 14h30 desta sexta-feira. De acordo com testemunhas, a execução teria sido motivada por uma guerra interna instalada na milícia na região

Policiais do 27º BPM (Santa Cruz) foram verificar a informação de que duas pessoas foram mortas na Rua do Império e, no local, o fato foi constatado. A área foi isolada e a Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) vai fazer uma perícia no local para investigar o caso. Nas redes sociais, moradores demonstraram preocupação com a violência na região, principalmente pelo fato da execução ter ocorrido em plena luz do dia.

Alguns moradores relembraram os dias de terror quando sete vans foram incendiadas em Santa Cruz. Na ocasião, por conta das sequências de ataques, policiais reforçaram o policiamento na região da Estrada do Campinho, principal ponto onde milicianos foram flagrados ateando fogo nos veículos. Ônibus foram tirados de circulação temporariamente por medida de segurança, e as ruas da região ficaram vazias.

 

Desde a morte do traficante Wellington da Silva, o Ecko em junho deste ano, a área de Santa Cruz vem sofrendo ataques do grupo de Danilo Dias Lima, o Tandera. Atualmente, além de Santa Cruz, Campo Grande, Cosmos, Inhoaíba, Paciência e regiões da Baixada Fluminense estão sob o domínio de Luiz Antônio da Silva Braga, o Zinho, irmão de Ecko. Já as regiões de Seropédica e Itaguaí, na Região Metropolitana, ficaram sob a liderança do principal rival de Ecko, o Tandera.

Fonte: O Dia.

Você pode gostar também